Agricultura Biológica,  Alimentação Saudável,  Gastronomia,  Novos Rurais,  Turismo Gastronómico

Agosto é o mês do tomate coração de boi no Douro

O  Concurso Tomate Coração de Boi promete reunir os melhores frutos das quintas do Douro numa prova que valoriza a antiga tradição das hortas durienses.

Nesta terceira edição, o Concurso Tomate Coração de Boi realiza-se no dia 24 de agosto e o palco para a prova é a Quinta do Vallado, no Peso da Régua.

A organização do evento está a cargo de Abílio Tavares da Silva, produtor dos vinhos Foz Torto, e Celeste Pereira, proprietária da empresa de comunicação Greengrape, que desenvolve o projeto de animação turística e produção de eventos alltodouro.com.

O concurso “visa contribuir para a valorização e promoção deste produto”, que encontra no Douro as condições ideais para o seu amadurecimento, “bem como revitalizar a tradição das hortas de quinta nesta região vinhateira”.

“São estas virtudes naturais que os produtores de vinho do Douro valorizam quando mantêm vivas as hortas de quinta e a produção do tomate, ainda que numa escala familiar e de produção local. É este também um modo de promover o território, a sua diversidade de produto e originalidade”, salientou a organização.

O concurso reúne vários especialistas para elegerem o melhor tomate da temporada, desde chefes de cozinha como Vítor Sobral, Miguel Castro e Silva e Leopoldo Calhau, enólogos ou jornalistas.

A par do concurso, e durante todo o mês de agosto, a organização convida os restaurantes da região a participarem no “Mês do Tomate”, propondo a inclusão nas ementas de pratos inspirados neste produto.

Em todos os restaurantes aderentes vai ser possível degustar o tomate coração de boi em saladas, com azeite e flor de sal, ou em pratos especiais concebidos para esta quinzena.

A iniciativa cruza-se ainda também com o projeto Capella, que visa o desenvolvimento da economia local e que tem levado à praça e capela de Arroios, em Vila Real, a arte, a cultura, a música e os produtos locais.

No dia 25, realiza-se neste espaço uma prova de tomate combinado com diferentes perfis de azeite e flor de sal.

Terminada a prova, os participantes são convidados a participar, no largo da aldeia, na décima edição do Mercadinho da Capella, um misto de venda de produtos das hortas locais, com destaque para o tomate, e lugar de festa, com animação e petiscos.

A capela de Arroios é um imóvel de estilo Barroco, classificado como Monumento de Interesse Público desde 1993.

MadreMedia / Lusa

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Show Buttons
Hide Buttons

Enjoy this blog? Please spread the word :)